Uncategorized

2 anos de Socialbakers

Quando começaste a trabalhar na Socialbakers?

Em Agosto de 2014, ou seja, exactamente há 2 anos.

Fui contratada como Social Media and Digital Strategist para a América Latina, isto é,  fazia consultoria e estratégia de social e digital para alguns dos maiores clientes da Socialbakers nessa região.

Passei o primeiro mês e meio em Praga, em formações e a participar nos primeiros projectos, e em Outubro mudei-me para São Paulo.

No ano passado fui convidada para vir para Praga. Hoje vivo em Praga e sou Senior Director of Marketing Management.

 

Porque decidiste juntar-te à Socialbakers?

Foi a terceira vez que a empresa me abordou para me juntar à equipa. Embora estivesse com os meus próprios clientes e projectos, em Portugal, era uma proposta irrecusável, sobretudo pela oportunidade que me deu de trabalhar numa das melhores empresas do mundo do sector, e com algumas das melhores empresas do mundo em diversas indústrias (os nossos clientes).

 

Dos projectos que realizaste como Social Media and Digital Strategist, há algum que te tenha dado particular gozo fazer?

Muitos. Há um projecto de consultoria para uma grande marca internacional em que gostei imenso de participar, pela relação que se estabeleceu, tanto entre mim e a empresa, como entre a Socialbakers e a empresa.

Para além disso, sempre gostei de projectos associados a command centers mais complexos, onde era necessária a integração de várias fontes de dados que iriam ser mostrados em tempo real.

(mais informações sobre os command centers da Socialbakers aqui)

 

Brasil e agora República Checa. Nestes 2 anos em que estás na Socialbakers viveste em mais algum país?

Não vivi em mais nenhum país mas viajei para o México, Colômbia, França, Reino Unido,…

 

Do que mais gostaste no Brasil?

Das pessoas! Tanto a equipa com quem ainda mantenho uma relação próxima, como os clientes. Fiz muitos e bons amigos no Brasil.

 

Do que menos gostaste no Brasil?

Da distância (risos). Estando em Praga posso ir a Portugal com alguma frequência, quando estava no Brasil não era tão fácil.

 

Do que mais gostas em Praga?

A experiência de trabalhar nos HQ é totalmente diferente da de trabalhar num escritório local. Em Praga temos uns escritórios fantásticos, mais de 150 pessoas a trabalhar nestes escritórios, é mais fácil estarmos em contacto com as várias equipas (os fusos horários são sempre um desafio), há barbecues e festas temáticas regulares,…  Aqui vive-se mais o espírito Socialbakers.

(Vídeos dos escritórios da Socialbakers aqui)

 

Do que gostas menos em Praga?

Do tempo e das saudades de casa.

 

Actualmente és “Senior Director of Marketing Management”. O que faz uma “Senior Director of Marketing Management”?

Se dividirmos a estrutura de marketing entre os que “pensam” e os que “executam”, estou responsável por toda a estrutura que “pensa” e entende ( o mercado em geral, as necessidades dos clientes, a imagem da empresa e posicionamento face aos concorrentes,..).

Isto é, estou responsável pela equipa de Market Intelligence, pela equipa Marketing de Produto, pela marca e mensagens de marca e campanhas e estou a fazer toda a estratégia de campanhas. Por exemplo, uma campanha de lançamento de um produto é pensada por mim juntamento com a minha equipa. Definimos as personas, as mensagens, os objectivos, como deverá estar estruturada a campanha, em que meios iremos comunicar, … organizamos tudo e fazemos briefings para as equipas que vão executar: conteúdo, design, email marketing, media, eventos, entre outros.

 

E a tua equipa é composta por…

7 pessoas. Todas mulheres.

Esse facto não deixa de ser caricato porque anteriormente estava na equipa de Produto, onde era uma das poucas mulheres.

 

E como é um dia normal teu na Socialbakers?

Geralmente tenho a primeira reunião às 9 horas ou às 9:30, então chego ao escritório antes das 9 para ter tempo para beber um café enquanto faço a minha lista de “To-dos” para o dia. Habitualmente quando chego ao escritório já tenho os emails lidos e respondidos, já que o faço logo pela manhã, antes das 8 horas, em casa.

Actualmente passo muitas horas em reuniões, diria que entre 4 e 7 horas por dia.

Quando tiro hora de almoço gosto de almoçar sozinha, pois aproveito aquele tempo para pensar sobre algum projecto ou para descansar um pouco.

Saio depois das 19h30. Há dias em que saio depois das 21h, outros em que às 19h30 termina o meu dia de trabalho.

 

O que é que sentes que a Socialbakers já “te deu”?

Amigos e muito conhecimento.

Não só aprendi imenso sobre social media e digital, como sobre marketing de uma forma geral e mesmo gestão de empresas. Estive envolvida em muitos projectos que eram gestão de empresas pura (e adorei!).

Esta experiência também me ajudou entender os meus pontos fortes. Entendi que gosto imenso de estratégia (tanto estratégia da empresa, de marketing, de comunicação digital), e que tenho uma forte capacidade analítica, o que tem sido muito útil em todas as funções pelas quais tenho passado. Penso que estes dois pontos têm sido as razões principais para o meu rápido crescimento na empresa.

 

Se quiser trabalhar na Socialbakers, o que deverei fazer?

Temos sempre várias vagas em aberto, que são divulgadas no nosso site. Grande parte das vezes estamos a recrutar pessoas que falem português para a equipa de vendas e suporte ao cliente.

 

socialbakers_2anos

 

Mais informações sobre a Socialbakers: www.socialbakers.com